O rapaz vai jantar na casa dos pais da namorada:
— Sei que é pura formalidade, senhor, mas gostaria de pedir a mão de sua filha em casamento.
— Mas quem disse que é pura formalidade ? — indigna-se o pai da garota.
— O ginecologista dela!