Mais ferramentas de aprendizagem aos Alunos do UNIARAXA

ferramentas ensino uniaraxaCom o objetivo de desenvolver uma proposta complementar ao trabalho do Professor em sala de aula, foi criado pela Editora Saraiva, o SSA (Saraiva Solução de Aprendizagem). Trata-se de uma metodologia presencial que contempla a prévia leitura de livros, publicados pela Editora, bem como atividades de aprendizagem, articuladas ao conteúdo curricular das Instituições de Ensino.

O UNIARAXÁ, ciente do alcance dessa metodologia, firmou parceria com a Editora e trouxe para a sua realidade os benefícios do SSA. A partir de então, o UNIARAXÁ e a Saraiva, por meio do SSA, fornecerão aos Alunos da Instituição um kit de livros por semestre; ou seja, um livro por Disciplina cursada.

No último semestre, os Alunos do Curso de Direito do Centro Universitário receberam os exemplares; advindos da parceria firmada; e, assim, tiveram a oportunidade de formar a sua própria Biblioteca. E, para esse primeiro semestre de 2018, Alunos dos Cursos de Administração, Ciências Contábeis, Gestão Comercial e Gestão de Recursos Humanos, também, receberão as obras. Os livros já se encontram disponíveis na Biblioteca do UNIARAXÁ e estão sendo preparados para entrega aos Alunos.

O UNIARAXÁ espera que o resultado dessa parceria seja a construção de conhecimentos, de forma mais estratégica e eficaz; contribuindo para o desenvolvimento de habilidades e competências dos universitários; tão cruciais para um melhor desempenho em avaliações oficiais; e, consequentemente, o alcance de uma carreira profissional brilhante e de sucesso.

Dormindo no beco

O bêbado chega em casa e é impiedosamente expulso pela mulher. Sem opção ele vai para um beco escuro e dorme.
De manhã, com uma ressaca de matar ele nota que seu relógio sumiu. Então ele vai pra casa, toma um banho, faz a barba e sai pra trabalhar. Andando pela empresa, ele vê um funcionário com o seu relógio no braço.
— Ei, cara! — diz ele. — Esse relógio é meu!
O sujeito se defende:
— Seu nada! Esse relógio eu peguei de um bêbado que eu comi ontem lá no beco!
— Olha só… — responde o ex-bêbado. — Ele é igualzinho o meu!

Cemig é finalista do Prêmio IASC 2017

Foto Elderth Theza-Thz Imagens

Foto Elderth Theza-Thz Imagens

A Cemig foi avaliada pelos seus consumidores como umas das melhores distribuidoras da Região Sudeste e está entre as três finalistas do Prêmio IASC 2017, o Índice Aneel de Satisfação do Consumidor, cujos vencedores serão anunciados no início do mês que vem, em Brasilia. Realizada anualmente pela Agência Nacional de Energia Elétrica, o índice é o mais importante reconhecimento das concessionárias de distribuição e é realizado com consumidores de todo o Brasil.

A Cemig é finalista na categoria que conta com as distribuidoras do Sudeste com mais de 400 mil unidades consumidoras, juntamente com a Energisa Sul–Sudeste e a EDP Distribuição Espirito Santo. A empresa foi vencedora da categoria Região Sudeste – acima de 400 mil consumidores em 2015, e, anteriormente, foi agraciada com o prêmio em 2002, 2004 e 2006.

Conduzida pela Aneel, a pesquisa foi realizada no segundo semestre do ano passado, e o resultado das entrevistas com 24.926 consumidores residenciais, de forma presencial domiciliar, de 584 municípios de todo o país, será anunciado no mês que vem.Elieser Francisco Correa, gerente de Relacionamento com o Consumidor da Cemig, explica que a colocação entre as três finalistas da região Sudeste, onde se concentra o maior número de consumidores do país, já é uma boa indicação de que o cliente percebeu os investimentos  em melhoria da rede de distribuição e em novas tecnologias que facilitam o relacionamento com a companhia. “É o nosso empenho em melhorar sendo reconhecido”, afirma o gerente.

IASC

Divulgado anualmente pela Aneel desde 2000, o IASC retrata o grau de satisfação do consumidor em relação à qualidade dos serviços prestados pelas distribuidoras de energia elétrica e tem o propósito de estimular a busca pela melhoria contínua. A Aneel premia desde 2002 as distribuidoras mais bem avaliadas.

Para a 18ª edição da pesquisa, o regulamento do prêmio foi revisado e a categoria IASC Brasil Concessionárias foi dividida em duas: até 400 mil unidades consumidoras e acima de 400 mil unidades consumidoras. Também foi instituído um escore mínimo de 60 pontos para que as distribuidoras vencedoras recebam o prêmio.

Cemig recomenda atenção especial com ligações provisórias neste carnaval

O carnaval é uma das festas mais populares do mundo e mobiliza milhões de pessoas em todas as partes do Brasil. Além disso, a economia é bastante movimentada e estruturas são criadas para a comodidade dos foliões. Para isso, a energia elétrica é fundamental para o funcionamento de comércios e barracas provisórias para o atendimento ao público.

Dessa forma, os organizadores também devem ficar atentos sobre o prazo de atendimento para solicitar as ligações provisórias. De acordo com Elieser Francisco Correa, gerente de Relacionamento Comercial da Cemig, o ideal é que os requerimentos sejam enviados à Cemig com, no mínimo, dez dias de antecedência.

“Caso seja necessária a ligação provisória de energia elétrica, o responsável deve ir até a agência da Cemig mais próxima, informar o local e os equipamentos elétricos a serem utilizados e pagar uma taxa referente à prestação do serviço que será executado por técnicos da empresa. Além disso, todo serviço de instalação elétrica interna das barracas deve ser feito por profissional especializado do ramo, eletricista predial ou padronista”, afirma o gerente.

As barracas devem ter suas instalações elétricas protegidas por disjuntor e serem feitas por um eletricista profissional. A fiação deve ser disposta de forma que fique protegida, para não haver o risco de energização acidental da estrutura das barracas, o que ocasionaria risco iminente às pessoas, podendo resultar em acidentes graves e até fatalidades.

Além disso, os enfeites de ruas e praças com as típicas bandeirolas, faixas e outros adereços devem ser feitos com materiais isolantes, biodegradáveis e que não sejam afixados próximos à rede elétrica. Os fogos de artifício devem ser manuseados somente por adultos e utilizados em locais distantes da fiação, afastados de bandeirinhas e de demais materiais que apresentem risco de incêndio.

Não deixe o choque elétrico acabar com a energia do seu carnaval:

·         Para a instalação de enfeites em ruas e praças, respeite a distância mínima de 1,5 metro em relação à rede elétrica. O ideal é manter uma distância bem maior.

·         Não instale enfeites ou qualquer outro tipo de adereços utilizando os postes e pontaletes de padrão da Cemig como forma de fixação dos mesmos.

·         Não utilize arame ou fio metálico para afixar bandeirinhas e demais enfeites.

·         Todos os enfeites devem ser bem afixados, para que o vento não os projetem contra a fiação da rede elétrica, provocando acidentes graves.

·         Não faça gatos. Se for necessário, solicite à Cemig uma ligação provisória.

·         A instalação elétrica das barracas deve ser feita por eletricista profissional, disposta de forma protegida contra esforços mecânicos e protegida por disjuntor termo-magnético.

·         Nunca tente retirar qualquer tipo de material que, por qualquer motivo, possa estar preso à rede elétrica.

·         Não se aproxime de fios partidos caídos ao solo ou dependurados nos postes de energia. Impeça que outras pessoas se aproximem, e avise imediatamente a Cemig através do Fale com a Cemig – 116.