Archives for

Cultura

Estacionamento do Estádio Fausto Alvim se transforma em cinema ao ar

Foto: ilustração - Divulgação

Foto: ilustração – Divulgação

O Estacionamento do Estádio Fausto Alvim, em Araxá, se transforma em sala de cinema ao ar livre na noite do dia 20 de abril, sexta-feira.  A exibição faz parte do Projeto Cinema na Praça, promovido pela  Pif Paf, indústria de alimentos, que, em comemoração aos 50 anos de fundação, leva sessões de cinema itinerante a 10 cidades mineiras. O acesso ao evento é gratuito e, além exibição de filmes, terá boa gastronomia. Estandes com produtos da Pif Paf  estarão disponíveis para o público no estacionamento do estádio.

Serão exibidos três filmes educacionais infanto-juvenis, que abordam temas como ética, respeito ao meio ambiente e pluralidade cultural, de grande importância para formação de crianças e adolescentes.  São eles: “Chute mais forte do bairro”, “Um convite difícil de engolir” e “Onde está o seu meio ambiente?, com duração de 30 minutos cada (confira a sinopse abaixo).

A ideia é levar cultura a quem não tem acesso, disponibilizando ainda oportunidade de entretenimento e lazer aos moradores. Depois de Araxá, o Projeto segue para  Patrocínio de abril, para  Patrocínio, onde, no dia 21 de abril, serão exibidos os três filmes.  Depois será a vez das cidades de  Divinópolis, Formiga, Piunhui e Capitólio (2,3,4 e 5 de maio); Viçosa e Visconde do Rio Branco (17 e 18 de agosto); além de Teófilo Otoni e Montes Claros (14 e 15 de setembro).

Resgate do glamour: 

     Indústria mineira de alimentos, com sede corporativa em Belo Horizonte,  a Pif Paf decidiu comemorar os 50 anos de fundação brindando os moradores de cidades do interior com o glamour do cinema, tendo em que vista que muitas salas de cinema deixaram de existir nestes municípios :

Serviço:

Projeto Cinema na Praça em Araxá:

Quando: Dia 20 de abril, sexta-feira, às 19 horas,

Onde: Estacionamento do Estádio Fausto Alvim - Avenida Imbiara – Centro, Araxá

 Fone: (34) 3691-7000

Sinopse dos filmes:

- “O chute mais forte do bairro” (duração: 30 minutos)

O filme aborda o tema ética ao contar a história de Theo, um menino que, em um instante de entusiasmo, quebra a vidraça do Tio Juvenal com uma bola. Para se livrar do aperto, conta uma mentira. Ele percebe que fez a coisa errada, mas não sabe como corrigir o erro. É aí que a amizade surge como apoio e segurança para enfrentar essa situação difícil. Por meio da história, o filme trabalha os conceitos de valentia, honestidade, o valor das palavras, o auxílio dos amigos e a serenidade para julgar pessoas e fatos.

“ Um convite difícil de engolir e Onde está o seu meio ambiente? (duração de 30 minutos)

Aborda o tema pluralidade cultural ao contar a história de Mai, um descendente de japoneses. No caminho para um almoço especial na casa da Mai, as crianças recordam que ela é descendente de orientais e que já ouviram dizer que japoneses comem peixe cru. E agora? Eles não querem correr o risco de provar comidas diferentes, mas também não querem desagradar a amiga. O que fazer? O filme trabalha os conceitos de de ampliação do conhecimento sobre hábitos culturais, cortesia, gentileza, aceitação das diferenças e flexibilidade.

“Onde está o seu meio ambiente?” (30 minutos)

O tema meio ambiente é abordado no filme ao contar a história de um grupo de crianças que saem de uma aula de geografia animadas a salvar o planeta da poluição. Mas, da observação do caminho de volta para a casa, surgem as perguntas: onde está nosso meio ambiente? Onde ele realmente começa e no que podemos contribuir mesmo para sua preservação?  O enredo falar sobre a importância de atitudes como pensar e atuar; observação e reflexão; compromissos da vida coletiva; e adaptação frente às dificuldades.

Apresentação do Grupo “Tenores In Concert” nesse sábado, abre a temporada 27º Encontro Sesi de Artes Cênicas

O Teatro Municipal de Araxá recebe nesse sábado, 21 de abril, às 20h, a Orquestra de Câmara SESIMINAS, que convida o Grupo “Tenores In Concert”. A apresentação dá o pontapé inicial na temporada do 27º Encontro SESI de Artes Cênicas, que acontece no período de 04 a 13 de maio em Araxá e ainda, com apresentações nas cidades de Conceição das Alagoas, Pirajuba e Uberaba. A programação completa do Encontro 2018 será divulgada em breve,

O “Tenores In Concert” vai abrir com chave de ouro a temporada. Sob regência do maestro Marco Antônio Maia Drumond, a Orquestra interpretará canções populares e outras tradicionais do repertório italiano bem como consagrados trechos de óperas como “Va pensiero” de Verdi e “Nessum Dorma” de Puccini. Os ingressos poderão ser retirados na bilheteria do Teatro, no dia do evento, até 30 minutos antes do horário de início do concerto.

A apresentação está programada para acontecer no palco externo do Teatro Municipal de Araxá, ou seja, com acesso livre da população. Caso o tempo mude e esteja chovendo com ou risco de tempestade, o espetáculo será transferido para o palco interno fica limitado a lotação do auditório, que é para 300 lugares. Sendo assim, haverá distribuição de ingressos, que deverão poderão ser retirados na bilheteria do Teatro, no dia do evento, até 30 minutos antes do horário de início do concerto.

O “Orquestra de Câmara SESIMINAS convida” teve início no ano passado e já recebeu convidados como o maestro Marcelo Ramos, o Metallica Cover Brasil, a soprano Eliseth Gomes, e os músicos Anthony Flint e Horácio Schaefer. O projeto é apresentado pelo Governo de Minas, com realização do SESI/FIEMG, e conta com patrocínio da Souza Cruz, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais

Tenores In Concert

Formado em 2006, o Grupo Tenores in Concert é o resultado de uma bem sucedida parceria dos cantores líricos Flávio Bastos, Hélcio Rodrigues, Petrônio Duarte, Rogério Francisco, Sandro Assumpção, Wagner Soares e Wellington Vilaça, engajados num projeto de difusão da música de câmara e concerto.

Com um repertório diversificado com clássicos da música erudita e popular, o espetáculo passeia pelas obras de renomados compositores, como Andrew Lloyd Webber, Ennio Morricone, Guiseppe Verdi e Carlos Gardel.

Maestro Marco Antonio Maia Drumond

Nascido em Belo Horizonte, Marco Antonio começou a estudar música, aos cinco anos de idade, com a educadora Célia Flores Nava. Em 1960, ingressou no curso fundamental de violino da Universidade Mineira de Arte – hoje, Escola de Música da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) –, onde frequentou a classe do professor Gabor Buza. Em 1974, foi admitido no curso de graduação em Regência da Escola de Música da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), estudando sob a orientação do maestro Arthur Bosmans. Paralelamente, continuou o curso de violino com seu antigo professor.

Em 1981, obteve bolsa do governo polonês e seguiu para Varsóvia, onde realizou curso de pós-graduação em regência sinfônica e operística na Academia de Música Frederyk Chopin, estudando sob a orientação do maestro Henryk Czyz. Em 1983, em Weimar, frequentou curso de regência sinfônica com o maestro Kurt Mazur. De volta ao Brasil,

assumiu, em 1986, a direção artística do Madrigal Renascentista e organizou a Orquestra de Câmara Sesiminas, da qual é regente até os dias hoje. Retornou à Polônia em duas oportunidades para dirigir orquestras como as Filarmônicas de Walbrzych (1986) e de Szczeczyn (1992).

Orquestra de Câmara SESIMINAS

Com 30 anos de existência, a Orquestra de Câmara SESIMINAS foi fundada pelo Dr. Nansen Araújo, que foi presidente da FIEMG. Com o objetivo maior de garantir o acesso ao repertório camerístico de qualidade ao trabalhador da indústria mineira e seus dependentes, a Orquestra já conta com mais de 1100 concertos realizados em locais que vão de pátios de fábricas, passando por hospitais e escolas, chegando às melhores salas de concertos não só da capital, mas também do interior de Minas.

Em sua trajetória, a Orquestra de Câmara SESIMINAS pôde atuar junto a solistas renomados como Nelson Freire, Antônio Menezes, Arthur Moreira Lima e Duo Assad. No campo da música popular, artistas como Milton Nascimento, Vander Lee, Maria Gadu, Diogo Nogueira, e grupos como Skank e Jota Quest também puderam integrar sua rica programação.orquestra_araxa

Fundação Cultural de Araxá abre inscrições para o Projeto Fazendo História

FAZENDO HISTORIA ovalA Fundação Cultural de Araxá (FCA), através de recursos do Fundo da Infância e Adolescência (FIA) e com aprovação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), está com inscrições abertas para o Projeto Fazendo História!. O projeto é destinado para crianças e adolescentes, de 8 a 17 anos, que vivem em situação de vulnerabilidade social.
 
O projeto será composto por frentes de atuação, destinadas à produção de conhecimento, conscientização e a instrução em relação à prevenção do uso de drogas, além de acompanhamento assistencial (por meio de Fisioterapia, Serviço Social e Psicólogo) para intervenção necessária frente à saúde física e mental, e o reconhecimento de comportamentos de risco no contexto familiar. Serão ofertadas atividades de capacitação, lúdicas, artísticas, de lazer, diversão, avaliação e acompanhamento terapêutico, além da inclusão de práticas desportivas e inclusão digital (aulas de informática) como estratégia e fator de promoção do desenvolvimento integral, com perspectiva para o primeiro emprego, além da melhoria na qualidade de vida e saúde de pré-adolescentes e adolescentes vulneráveis socialmente.
 
Serão destinadas 140 vagas para crianças e adolescentes, de ambos os sexos, com faixa etária entre 8 e 17 anos. Todas as atividades propostas serão realizadas no UNIARAXÁ, em suas respectivas dependências (Centro Olímpico Clinica de Fisioterapia, Laboratórios práticos de Informática e de ensino, e consultórios de avaliação e acompanhamento psicológico e de serviço social).
 
As inscrições poderão ser realizadas no UNIARAXÁ, na Pró Reitoria de Ensino, Pesquisa e Extensão e na Coordenação de Extensão – BLOCO da Reitoria, de 6 de março a 31 de abril, das 8h às 11h e das 14h às 21h. Para inscrição os participantes deverão apresentar documentos pessoais do participante e do seu responsável legal e comprovante de endereço.
 
Mais informações podem ser obtidas no telefone 3669-2317.

Fórum Rotaractiano aborda profissionalização e mercado de trabalho

rotaryO Rotaract Club de Araxá promoveu em Araxá, o Fórum Rotaractiano da Área II, que contou com participantes de Araxá e Perdizes, que abordou temas diretamente voltados para a comunidade jovem do clube que busca o crescimento pessoal e profissional.  A atividade foi realizada no Tribunal do Júri do UNIARAXÁ e contou com palestras de integrantes do Rotary Club de Araxá e de Frutal.
A mensagem de abertura foi do professor de história Mário Gomes, que abordou o tema “O Poder das Diferenças”. Logo depois, o presidente do Rotary Club Araxá, Válter Gomes, abordou o mercado de trabalho e as oportunidades profissionais para aqueles que buscam se especializar na área que querem atuar. O rotariano Josney Freitas Silva veio de Frutal e falou sobre a importância de fazer parte da família Rotária.
O Rotaract agradece parceria do Rotary Club Araxá, os patrocinadores: Acia, TecnoPlan Restruturação e Sistemas, CBMM, Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Metalúrgicas Mecânicas e de Material Elétrico de Araxá e ao UNIARAXÁ, que cedeu o espaço para a realização do evento.