Archives for

Cultura

UNIARAXÁ contribui para acervo literário de Instituições de Araxá

doacao livros uniaraxaO SSA (Saraiva Solução de Aprendizagem) é um projeto desenvolvido pela Editora Saraiva, com o intuito de desenvolver uma proposta complementar ao trabalho dos Professores em sala de aula. A proposta é contemplar Estudantes com a prévia leitura de livros, publicados pela Editora, como também oferecer atividades de aprendizagem, articuladas ao conteúdo curricular.

O UNIARAXÁ, sempre em busca de parcerias que agreguem valor à construção de conhecimentos, firmou convênio com a Saraiva, por meio do SSA. A partir de então, os Estudantes do Centro Universitário ganham, semestralmente, um kit de livros; ou seja, um livro por Disciplina cursada.

O UNIARAXÁ, ciente dos benefícios dessa metodologia, decidiu expandir o sucesso e doou a algumas Instituições de Araxá exemplares que restaram dos kits; distribuídos nesse último semestre, conforme explica Maria Clara Fonseca, Coordenadora da Biblioteca do UNIARAXÁ. “O UNIARAXÁ, por meio da parceria “Saraiva Sistema de Aprendizagem”, desde 2017, distribui, semestralmente, livros aos Estudantes ingressantes e veteranos; bem como aos Professores. Os kits de livros excedentes, em 2018, propiciaram a ação, por meio da Reitoria e da Biblioteca Central, no sentido de beneficiar algumas Instituições Públicas de Araxá. É uma iniciativa bastante positiva a fim de enriquecer os acervos das Entidades e aproximar os parceiros. As obras selecionadas para doação levou em consideração a área de atuação de cada Instituição”, explica Maria Clara.

Ao todo, foram doados 126 livros. As Instituições agraciadas com as obras foram o Conselho Regional de Contabilidade (CRC), o Conselho Regional de Administração (CRA), a Câmara Municipal de Araxá, o Fórum Tito Fulgêncio, o Ministério Público, o Setor Jurídico da Prefeitura Municipal de Araxá e a Biblioteca Municipal de Araxá.

Segundo Maria José Chadu, representante da Biblioteca Municipal de Araxá, as obras atenderão a um número significativo de pessoas. “A Biblioteca Pública Municipal Viriato Correa de Araxá sente-se gratificada por receber exemplares tão valiosos para o nosso acervo. Sendo nossa Biblioteca um ponto de apoio para todos os araxaenses, temos uma grande necessidade de atualização de nossas obras. Essa doação servirá para todos aqueles que buscam no conhecimento uma forma de acrescentar valores às suas existências. Com essas novas obras, esperamos atender a um maior número de usuários que precisam desses livros para completar seus estudos. Agradecemos pela lembrança de nossos trabalhos e esperamos continuar sendo merecedores de parcerias e futuras ações”, diz Maria José.

Parada da Leitura leva o UNIARAXÁ a uma viagem pelas obras de Guimarães Rosa

uniaraxaUm grande sucesso. Assim se caracterizou mais uma edição da Parada da Leitura, realizada no último dia 07/06, com a participação de Estudantes e Professores de diversos Cursos do UNIARAXÁ. Este ano, a Parada da Leitura homenageou o grande escritor brasileiro Guimarães Rosa; autor da marcante obra literária “Grande Sertão: Veredas”. O evento levou todos os participantes a uma incrível viagem pelas obras e história de vida do escritor.

A Professora e Coordenadora do Suporte Pedagógico do UNIARAXÁ, Maria Celeste de Moura, conta um pouco sobre a idealização do projeto. “A Parada da Leitura é um evento que muito orgulha o UNIARAXÁ! A proposta para que fosse realizado esse grande projeto envolvendo a leitura veio do Reitor José Oscar de Melo e foi acolhida por toda a Instituição. Vários setores trabalham para que ele se torne viável: Suporte Pedagógico; Extensão; Marketing; Recursos Humanos; entre outros. A cada edição, um Curso fica responsável pela criação e sustentação da “Parada”! Na primeira (segundo semestre de 2017) houve um “Júri Simulado” baseado na obra de Machado de Assis “A Cartomante”, com o suporte do Curso de Direito, liderado pelo professor Francisco Ilídio. Na segunda, bem recente, a viagem pelo mundo de Guimarães Rosa teve o apoio especial do Curso de Pedagogia, coordenado pela professora Fabíola Melo. A próxima versão, a ser realizada no segundo semestre de 2018, mergulhará no “Mundo Assombrado pelos Demônios”, de Carl Sagan, e os cursos que promoverão essa imersão serão Engenharia Ambiental e Engenharia Civil”, conta.

Durante o evento foram apresentados alguns vídeos que ressaltaram a grandeza de suas obras, bem como realizada a leitura de “A Terceira Margem do Rio”. Destaque para a apresentação teatral da noite, que enriqueceu a Parada da Leitura e levou todos a uma bonita reflexão sobre a vida no sertão brasileiro. Os atores encenaram trechos das obras de Guimarães Rosa e emocionaram o público. O evento teve ainda a participação e o apoio do FLIARAXÁ; Festival de Literatura realizado anualmente na cidade e que vem ganhando cada vez mais notoriedade nacional.

Ainda segundo a Professora Celeste, a Parada da Leitura também simboliza o resgate pelo gosto da leitura. “O intuito da atividade é envolver a todos(as) em

um momento ímpar de contato com os grandes autores nacionais e internacionais, além de resgatar o gosto pela leitura, tão desgastado em nosso país. Afinal, como está na obra do grande Guimarães Rosa “a cabeça da gente é uma só, e as coisas que há e que estão para haver são demais de muitas, muito maiores diferentes, e a gente tem de necessitar de aumentar a cabeça, para o total”, destaca.

O UNIARAXÁ acredita que a leitura é uma importante ferramenta na construção de uma sociedade melhor, mais ética e plural. Eventos como a Parada da Leitura são de crucial importância nessa construção social, pois através das obras de grandes autores é possível construir conhecimentos e levar aos Estudantes reflexões significativas, tanto para sua vida profissional quanto pessoal.

Fliaraxá e Sesc SP recebem Valter Hugo Mãe, Juan Pablo Villalobos e Gonçalo Tavares, em junho

fliaraxaO Sesc SP compartilha com o Fliaraxá a presença de três importantes autores internacionais no Brasil: Valter Hugo Mãe, Gonçalo Tavares e Juan Pablo Villalobos. Nesta parceria, os escritores conversam com o público em três unidades na cidade de São Paulo (Sesc Vila Mariana, Sesc 24 de Maio e Sesc Avenida Paulista) e seguem para Araxá, onde se apresentam no festival mineiro, que está em sua sétima edição, reunindo mais de 80 autores, entre 27 de junho e 01 de julho, no Grande Hotel de Araxá.  Todas as atividades são gratuitas. 

 

Valter Hugo Mãe abre as atividades do Pré-Fliaraxá, no dia 18/06, segunda-feira, às 20h, no Teatro Municipal de Araxá. No  evento, o autor vai falar sobre sua vida e obra e assinar as reedições dos livros “O Remorso de Baltazar Serapião”, vencedor do Prêmio Literário José Saramago e “O Paraíso são os Outros”, que acaba de ganhar edição inédita ilustrada pelo autor. Ambos publicados pela Editora Globo. No dia seguinte, 19 de junho, terça-feira, às 20h, Valter Hugo repete o tema no Sesc Vila Mariana (R. Pelotas, 141 – Vila Mariana/SP). 

 

Gonçalo Tavares estará no dia 26 de junho, terça-feira, às 19h30, no Sesc 24 de Maio (Rua 24 de Maio,109, Centro/SP) para falar sobre o tema “Literatura e Imagens”, em uma atividade do “Sempre Um Papo”. Ensaísta, dramaturgo, professor e escritor, considerado a grande voz do romance português contemporâneo, com obras traduzidas para mais de 30 línguas, em 46 países, Gonçalo Tavares nasceu em Luanda, Angola e mudou-se em seguida para Lisboa. Considerado um Kafka português, recebeu os mais importantes prêmios da língua portuguesa, como o Portugal Telecom, em 2007; o Prêmio José Saramago, em 2005, e o Prêmio LER/Millennium BCP, em 2004, com o romance “Jerusalém”. O autor participa, nos dias subsequentes, da programação do Fliaraxá, em diversas atividades. 

 

No dia 28 de julho, quinta-feira, às 19h30, no Sesc Avenida Paulista, o escritor mexicano / catalão Juan Pablo Villalobosparticipa de debate no lançamento do livro “Ninguém Precisa Acreditar em Mim”, editado pela Companhia das Letras. Na obra, o autor mistura ficção a fragmentos da própria biografia, contando a história de um jovem mexicano prestes a viajar para Barcelona para cursar um doutorado “sobre os limites do humor na literatura latino-americana do século XX”. Juan Pablo Villalobos nasceu em 1973 em Guadalajara, México. Os livros “Festa no Covil” (2010), “Se vivêssemos em um lugar normal” (2012) e “Te vendo um cachorro” (2015) formam a chamada trilogia mexicana. O Sesc Avenida Paulista fica na Av. Paulista, 119 – Bela Vista/SP. Todas as atividades tem entrada grátis.

No dia 29 e 30 de junho, Juan Pablo participa de diversas mesas do Fliaraxá

 

Tenda no Ponto de Encontro, na Unidade SESI de Araxá, recebe artistas a partir desse sábado

tendas e curtinhasO estacionamento da Unidade Araxá do SESI/Senai ganhou uma nova formatação para o 27º Encontro SESI de Artes Cênicas, com a instalação da tenda que vai abrigar 20 apresentações artísticas no Ponto de Encontro. Nos sábados, dias 05 e 12 de maio, a partir das 14h, o local vai abrir as portas para uma tarde de muita cultura e entretenimento. E o melhor: tudo com acesso gratuito para toda a população.

Além das apresentações, a tenda do Ponto do Encontro vai ganhar um espaço para as crianças, com brinquedos recreativos, e a Praça de Alimentação, com Food Truck para deixar a área ainda mais aconchegante. As atrações são de artistas locais de Araxá, Uberaba e Uberlândia, que subirão ao palco levando músicas, espetáculos teatrais, intervenções, performances e números de dança. Confira a agenda de apresentações do Ponto de Encontro!

Sábado – 05 de maio – A partir de 14h

Complexidade Atômica (música-Uberaba)

Me Deixe Ir, Preciso Andar – Cia Uno (circo-Uberaba)

João Henrique (música-Araxá)

Flor, A Rainha do Cerrado (teatro de bonecos-Araxá)

Grooveria (música-Araxá)

Dançarte – Céu d’Espera (dança-Uberaba)

Ofício 12 – Estimulador de desapego (performance-Araxá)

Acustic Bar (música-Araxá)

Ofício 13 – Comparador de emissores de carbono (performance-Araxá)

Vinith (música-Araxá)

Sábado – 12 de maio – A partir de 14h

Manoel Amâncio (música-Araxá)

O Reino de Jamé – Grupo Apoteose (teatro-Uberlândia)

Insurgência Sertaneja – Meu Sotaque, Minha Sina (música-Uberaba)

Araxá Dance Company – Nossa Cara (performance-Araxá)

O Barqueiro (teatro-Uberlândia)

Quarteto Saxofone A4 (música-Araxá)

História do Cérebro (performance-Araxá)

Caliandra – Grupo Tramoya (teatro-Uberaba)

Niobium (música-Araxá)

#CurtaNoEncontro

Nos embalados de sábado… à tarde

Artistas de Araxá, Uberaba, Uberlândia estarão no Ponto de Encontro na Unidade SESI/Senai, na Tenda que foi montada para a 27ª edição do Encontro SESI de Artes Cênicas. As bandas Niobium, Vinith, Acustic Bar e Complexidade Atômica, o cantor Manoel Amâncio, o ator Frederico Primata, e os grupos de teatro Apoteose, Tramoya, e de dança: Dançarte e Araxá Dance Company, por exemplo, vão estar presentes no nosso palco. Além disso, espaço para crianças e Food Truck compõe o ambiente para o conforto do público. Tudo com acesso gratuito e estacionamento perto e livre para a comunidade.

Teatro e show no Palco Externo do Municipal, em Araxá

A maioria das apresentações do Encontro SESI de Artes Cênicas 2018 acontece, além dos palcos itinerantes, na área externa do Teatro Municipal de Araxá. Ou seja, para esses espetáculos, não será necessária a retirada de ingressos, sendo o acesso livre ao público que quiser conferir as atrações. Quem quiser, pode levar seu tapetinho para a arena, para ficar mais confortável. Haverá ainda o empréstimo de tapetinhos de E.V.A. no local. Quem não consegue se sentar ao chão, pode levar banquinhos, mas, para usá-los, precisa ficar nas extremidades da arena, afinal, o terreno em declive não é adequado para colocação de bancos e cadeiras. Apenas os espetáculos Por de Dentro, a Cia de Dança SESIMINAS e a Vida em Vermelho, com Letícia Sabatella serão dentro do Teatro e precisa retirar ingresso uma hora antes do espetáculo. A programação completa do Encontro SESI está no site www.fiemg.com.br/encontroaraxa ou na fanpage, pelo endereço www.fb.com/encontroaraxa.

Retirada de convites no Encontro SESI 2018

No Encontro SESI de Artes Cênicas 2018, os espetáculos acontecem no palco externo do Teatro Municipal, do Teatro SESIMINAS Araxá, em escolas da cidade, do Complexo do Barreiro e Calçadão da rua Presidente Olegário Maciel. Todos tem acesso gratuito da população. Mas, para três apresentações em especial, o público será limitado aos 300 lugares do palco interno do Teatro Municipal e por isso, haverá distribuição de convites.

São as apresentações: Por De Dentro, do Grupontapé, no dia 05 de maio (Classificação 14 anos); Cidade dos Sonhos, da Cia de Dança SESIMINAS, em 09 de maio; e A Vida em Vermelho, com Letícia Sabatella e Fernando Alves Pinto (Classificação 12 anos), dia 12 de maio. Para essas três montagens, é preciso retirar ingressos com pelo menos uma hora antes do espetáculo. A programação completa do Encontro SESI está no site www.fiemg.com.br/encontroaraxa ou na fanpage, pelo endereço www.fb.com/encontroaraxa.